Merkel avisa que confinamento na Alemanha pode durar mais 8 a 10 semanas

  • Chanceler alemã, Angela Merkel
Berlim – A chanceler alemã, Angela Merkel, disse esta terça-feira que, se o país não combater com sucesso a propagação do vírus, o número de casos pode ser 10 vezes superior na Páscoa, reportou o jornal alemão Bild.

Segundo a chanceler, que falava durante uma reunião com um grupo de trabalho do seu partido, União Democrata Cristã, se o país não combater com sucesso a propagação do vírus, o número de casos pode ser 10 vezes superior na Páscoa.

De acordo com participantes da reunião, Merkel disse: "Ainda precisamos de oito a dez semanas de medidas duras".

Recorde-se que a Alemanha prolongou o confinamento, que passa pelo encerramento de escolas e serviços não-essenciais, até dia 31 de Janeiro. O país registou na sexta-feira passada um novo máximo diário de mortes, com 1.188 vítimas mortais.

Segundo a chanceler, que falava durante uma reunião com um grupo de trabalho do seu partido, União Democrata Cristã, se o país não combater com sucesso a propagação do vírus, o número de casos pode ser 10 vezes superior na Páscoa.

De acordo com participantes da reunião, Merkel disse: "Ainda precisamos de oito a dez semanas de medidas duras".

Recorde-se que a Alemanha prolongou o confinamento, que passa pelo encerramento de escolas e serviços não-essenciais, até dia 31 de Janeiro. O país registou na sexta-feira passada um novo máximo diário de mortes, com 1.188 vítimas mortais.