OMS segue em Janeiro para China em busca da origem do vírus

  • Logomarca da Organização Mundial da saúde (OMS)
Genebra - Uma equipa científica internacional coordenada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) partirá em janeiro para a China para descobrir a origem do novo coronavírus, afirmou hoje aquela agência das Nações Unidas.

"Posso confirmar que [a missão à China] ocorrerá em Janeiro", disse um porta-voz da OMS, Hedinn Halldorson, à agência France Presse, confirmando o que um dos peritos indicados tinha dito à imprensa.

Desde Agosto que a OMS está em diálogo com peritos chineses e de outros países para uma missão cujo objectivo é descobrir a origem do SARS-CoV-2, que provoca a covid-19, e que a organização afirma ser zoonótica, ou seja, foi transmitido de um animal para os humanos.

Os primeiros casos de infecção foram registados em Wuhan, uma cidade no centro da China.

"Posso confirmar que [a missão à China] ocorrerá em Janeiro", disse um porta-voz da OMS, Hedinn Halldorson, à agência France Presse, confirmando o que um dos peritos indicados tinha dito à imprensa.

Desde Agosto que a OMS está em diálogo com peritos chineses e de outros países para uma missão cujo objectivo é descobrir a origem do SARS-CoV-2, que provoca a covid-19, e que a organização afirma ser zoonótica, ou seja, foi transmitido de um animal para os humanos.

Os primeiros casos de infecção foram registados em Wuhan, uma cidade no centro da China.