Pelo menos 6 mortos e 18 desaparecidos no Irão devido a avalanches

Teerão - Pelo menos seis pessoas morreram e 18 estão desaparecidas devido a avalanches e tempestades de neve que ocorreram na sexta-feira nas montanhas do norte de Teerão, anunciou hoje o presidente do Movimento do Crescente Vermelho no Irão, Mehdi Valipour.

"O número total de corpos descobertos nas montanhas ao norte de Teerão aumentou para seis", disse Valipour à agência de notícias iraniana ISNA, citada pela EFE, detalhando que a organização humanitária Crescente Vermelho continua as operações de busca na região onde ocorreram os acidentes, com 16 grupos de resgate.

"As últimas informações indicam que, até ao momento, foram reportadas ao Crescente Vermelho pelo menos 18 pessoas desaparecidas", acrescentou Valipour, esclarecendo que existe uma linha telefónica disponível para que as pessoas denunciem o desaparecimento de familiares ou conhecidos que estivessem nas montanhas do norte da capital do Irão.

Os acidentes ocorreram nas montanhas do norte de Teerão - Kolakchal, Dar Abad e Ahar, da cordilheira Elburz, de acordo com o director do Crescente Vermelho da província de Teerão, Shahin Fathí, em declarações à agência de notícias local iraniana Mehr.

Na sexta-feira, devido à intensidade do vento, as autoridades iranianas desligaram o teleférico da estância de neve de Tochal, deixando 100 pessoas presas na montanha.

O porta-voz dos bombeiros, Yalal Malekí, disse à agência IRNA que "após a redução da intensidade do vento, o teleférico foi ligado e todas aquelas pessoas foram transportadas em segurança para o sopé da montanha", indicou, ainda, que o incidente "não causou feridos".

"O número total de corpos descobertos nas montanhas ao norte de Teerão aumentou para seis", disse Valipour à agência de notícias iraniana ISNA, citada pela EFE, detalhando que a organização humanitária Crescente Vermelho continua as operações de busca na região onde ocorreram os acidentes, com 16 grupos de resgate.

"As últimas informações indicam que, até ao momento, foram reportadas ao Crescente Vermelho pelo menos 18 pessoas desaparecidas", acrescentou Valipour, esclarecendo que existe uma linha telefónica disponível para que as pessoas denunciem o desaparecimento de familiares ou conhecidos que estivessem nas montanhas do norte da capital do Irão.

Os acidentes ocorreram nas montanhas do norte de Teerão - Kolakchal, Dar Abad e Ahar, da cordilheira Elburz, de acordo com o director do Crescente Vermelho da província de Teerão, Shahin Fathí, em declarações à agência de notícias local iraniana Mehr.

Na sexta-feira, devido à intensidade do vento, as autoridades iranianas desligaram o teleférico da estância de neve de Tochal, deixando 100 pessoas presas na montanha.

O porta-voz dos bombeiros, Yalal Malekí, disse à agência IRNA que "após a redução da intensidade do vento, o teleférico foi ligado e todas aquelas pessoas foram transportadas em segurança para o sopé da montanha", indicou, ainda, que o incidente "não causou feridos".