Presidente da Polónia ratifica aumento de tropas dos EUA no país

Moscovo - O presidente da Polónia, Andrzej Duda, indicou nesta segunda-feira que deseja que a parceria militar com os EUA continue com a nova administração, após as eleições presidenciais no país americano.

 

"Eu acredito que a nossa parceria está acima de divisões políticas", disse o líder polaco durante a cerimónia de ratificação do acordo no Palácio Presidencial, conforme cita o portal Military Times.

"Estamos a espera que o novo presidente dos Estados Unidos tome posse", acrescentou Duda.

O Acordo de Cooperação de Defesa Aumentado, ratificado pelo presidente polaco, aumenta o número de tropas norte-americanas na Polónia para 5.500, além de mover o quartel-general do V Corpo do Exército dos EUA da Alemanha para o país eslavo.

Esta cooperação fortalece a presença militar dos Estados Unidos na Europa Oriental e Central num momento de crescente competição no continente.

 

"Eu acredito que a nossa parceria está acima de divisões políticas", disse o líder polaco durante a cerimónia de ratificação do acordo no Palácio Presidencial, conforme cita o portal Military Times.

"Estamos a espera que o novo presidente dos Estados Unidos tome posse", acrescentou Duda.

O Acordo de Cooperação de Defesa Aumentado, ratificado pelo presidente polaco, aumenta o número de tropas norte-americanas na Polónia para 5.500, além de mover o quartel-general do V Corpo do Exército dos EUA da Alemanha para o país eslavo.

Esta cooperação fortalece a presença militar dos Estados Unidos na Europa Oriental e Central num momento de crescente competição no continente.