Putin considera “construtiva” e “sem animosidades” cimeira com Biden

  • Vladimir Putin, Presidente da Rússia
Genebra – O Presidente russo, Vladimir Putin, considerou hoje que o seu primeiro encontro com o homólogo norte-americano, Joe Biden, foi “construtivo”, tendo em pano de fundo as tensões bilaterais.

"Não houve qualquer animosidade", sublinhou Putin numa conferência de imprensa realizada em Genebra, onde decorreu a cimeira entre ambos.

"Em muitas questões as nossas avaliações divergem, mas as duas partes mostraram o desejo de se entender e de procurar formas de reconciliar posições", acrescentou.

Por outro lado, Putin indicou ter definido com Biden o regresso dos embaixadores dos dois países aos seus postos respectivos numa tentativa para diminuir as tensões bilaterais.

Os dois embaixadores foram chamados aos seus países no início do ano.

"(Os embaixadores) vão voltar ao seu local de trabalho. Quando exactamente é uma questão puramente técnica", declarou o Presidente russo na conferência de imprensa.

Putin adiantou também que os dois presidentes chegaram a um acordo para um diálogo em matéria de cibersegurança.

 

"Não houve qualquer animosidade", sublinhou Putin numa conferência de imprensa realizada em Genebra, onde decorreu a cimeira entre ambos.

"Em muitas questões as nossas avaliações divergem, mas as duas partes mostraram o desejo de se entender e de procurar formas de reconciliar posições", acrescentou.

Por outro lado, Putin indicou ter definido com Biden o regresso dos embaixadores dos dois países aos seus postos respectivos numa tentativa para diminuir as tensões bilaterais.

Os dois embaixadores foram chamados aos seus países no início do ano.

"(Os embaixadores) vão voltar ao seu local de trabalho. Quando exactamente é uma questão puramente técnica", declarou o Presidente russo na conferência de imprensa.

Putin adiantou também que os dois presidentes chegaram a um acordo para um diálogo em matéria de cibersegurança.