Acordos impulsionam cooperação bilateral entre Angola e Turquia

  • Embaixador Téte António, ministro das Relações Exteriores de Angola
Luanda – O ministro das Relações Exteriores de Angola, Téte António, afirmou, esta segunda-feira, em Ankara, que a assinatura de vários acordos com a Turquia vai impulsionar a cooperação bilateral entre os dois países.

Téte António, que falava à Televisão Pública de Angola (TPA) sobre o programa de visita de Estado do Presidentre João Lourenço à Turquia, frisou que se trata de um momento histórico para os dois países, que procuram áreas de interesse comum para as trocas comerciais.

Os dois países vão assinar acordos nos domínios dos transportes, comércio, economia, recursos minerais, bem como consular e diplomático, com a eliminação de vistos em passaportes de serviço, diplomáticos e especiais.

Actualmente, as trocas comerciais entre os dois países cifram-se em 134 milhões de dólares, com perspectivas de se atingir os mil milhões, nos próximos anos.

Em 2020, a Turquia investiu em Angola cerca de 22,55 milhões de dólares em vários sectores.

A agenda de trabalho de João Lourenço em Ancara incluiu, entre outros pontos, uma reunião, quarta-feira, com o seu homólogo turco, Recep Erdogan.

Quarta-feira, último dia da visita, o Presidente João Lourenço participa num fórum empresarial com dezenas de homens de negócios, a quem apresenta o potencial económico de Angola e as múltiplas iniciativas tendentes a melhorar progressivamente o ambiente de negócios.

As relações diplomáticas entre Angola e a Turquia datam de 1980 e os dois países já têm acordos de cooperação nos domínios do comércio, agricultura, educação, cultura, defesa, justiça e desporto.

Em Angola, a Turquia tem investimentos nas províncias de Luanda e Uíge, nas áreas da indústria, comércio, educação e construção civil.

Téte António, que falava à Televisão Pública de Angola (TPA) sobre o programa de visita de Estado do Presidentre João Lourenço à Turquia, frisou que se trata de um momento histórico para os dois países, que procuram áreas de interesse comum para as trocas comerciais.

Os dois países vão assinar acordos nos domínios dos transportes, comércio, economia, recursos minerais, bem como consular e diplomático, com a eliminação de vistos em passaportes de serviço, diplomáticos e especiais.

Actualmente, as trocas comerciais entre os dois países cifram-se em 134 milhões de dólares, com perspectivas de se atingir os mil milhões, nos próximos anos.

Em 2020, a Turquia investiu em Angola cerca de 22,55 milhões de dólares em vários sectores.

A agenda de trabalho de João Lourenço em Ancara incluiu, entre outros pontos, uma reunião, quarta-feira, com o seu homólogo turco, Recep Erdogan.

Quarta-feira, último dia da visita, o Presidente João Lourenço participa num fórum empresarial com dezenas de homens de negócios, a quem apresenta o potencial económico de Angola e as múltiplas iniciativas tendentes a melhorar progressivamente o ambiente de negócios.

As relações diplomáticas entre Angola e a Turquia datam de 1980 e os dois países já têm acordos de cooperação nos domínios do comércio, agricultura, educação, cultura, defesa, justiça e desporto.

Em Angola, a Turquia tem investimentos nas províncias de Luanda e Uíge, nas áreas da indústria, comércio, educação e construção civil.