Dados biográficos do novo Chefe da Casa de Segurança do PR

  • General Francisco Pereira Furtado
Luanda – O general Francisco Pereira Furtado tornou-se, esta segunda-feira, o segundo Chefe da Casa de Segurança no mandato do Presidente João Lourenço, iniciado em Setembro de 2017.

Francisco Pereira Furtado substitui Pedro Sebastião, exonerado hoje pelo Presidente da República, depois de cerca de três anos e sete meses no cargo.

Dados biográficos do novo Ministro de Estado e Chefe da Casa de Segurança do PR:

- Francisco Pereira Furtado tem 63 anos de idade, dos quais 43 de carreira militar;

- Incorporou nas ex-FAPLA, aos 5 de Setembro de 1974, na província do Moxico;

- Frequentou o Centro de Instrução Revolucionária do Cazage – 3ª Região Militar, de Setembro de 1974 a Janeiro de 1975;

- Em 1975 integrou o Esquadrão Cazombo na Base-3, no municipio do Sambizanga, e o Comando Operacional de Luanda, na Vila Alice;

- De Maio a Novembro de 1975 integrou a segurança pessoal do então ministro da Informação do Governo de Transição, Manuel Rui Monteiro;

- Em Novembro de 1975 foi colocado na Repartição de Pessoal do Estado-Maior General das FAPLA, com a categoria de oficial de classificação da secção de mobilização;

 - Fez formação de oficial na Escola Inter-armas de Cadetes “General António Maceo”, na República de Cuba 1976/1979;

- Fez formação em comando táctico de Brigada de Infantaria Motorizada, na Academia Militar Vistrel, da ex-URSS, em 1983;

- Fez curso de comando e direcção, no Instituto Superior de Ensino Militar (ISEM), das Forças Armadas Angolanas (FAA), em 1995.

Cargos desempenhados

- Oficial de Planificação Administrativa do Departamento Táctico-Operativo da Direcção de Operações do Estado-Maior General, 1979/1980;

- Primeiro oficial de Ciências Militares - Direcção de Operações do Estado-Maior General, 1980/1981;

- Chefe do Estado-Maior e comandante da 19ª Brigada de Infantaria, na 5ª Região Militar, 1981/1983;

- Chefe de Operações da 9ª Região Militar, 1983/1985;

- Chefe do Estado-Maior da 9ª Região Militar, 1985/1986;

- Comandante da 9ª Região Militar, 1986/1988;

- Comandante da Zona Militar Bié, 1988/1990;

- Chefe do Estado-Maior da Agrupação Cuito-Cuanavale, em 1990;

- Segundo comandante da Frente Militar Sul, 1990/1991;

- Comandante da Frente Militar Sul, 1991/1992;

- Comandante da Zona Militar Malanje, 1992/1993;

- Comandante da 5ª Região Militar, 1993/2002;

- Coordenador do Comité Executivo Militar do processo de paz do Luena, 2002/2003;

- Chefe da Direcção Principal de Operações do Estado-Maior General das FAA, 2003/2006;

- Coordenador do Grupo Operativo da Comissão Executiva de Desminagem, 2005/2008;

 - Chefe da Comissão Militar Mista para o processo de paz na província de Cabinda, em 2006;

 - Chefe do Estado-Maior General das FAA, 2006/2010.

Francisco Pereira Furtado substitui Pedro Sebastião, exonerado hoje pelo Presidente da República, depois de cerca de três anos e sete meses no cargo.

Dados biográficos do novo Ministro de Estado e Chefe da Casa de Segurança do PR:

- Francisco Pereira Furtado tem 63 anos de idade, dos quais 43 de carreira militar;

- Incorporou nas ex-FAPLA, aos 5 de Setembro de 1974, na província do Moxico;

- Frequentou o Centro de Instrução Revolucionária do Cazage – 3ª Região Militar, de Setembro de 1974 a Janeiro de 1975;

- Em 1975 integrou o Esquadrão Cazombo na Base-3, no municipio do Sambizanga, e o Comando Operacional de Luanda, na Vila Alice;

- De Maio a Novembro de 1975 integrou a segurança pessoal do então ministro da Informação do Governo de Transição, Manuel Rui Monteiro;

- Em Novembro de 1975 foi colocado na Repartição de Pessoal do Estado-Maior General das FAPLA, com a categoria de oficial de classificação da secção de mobilização;

 - Fez formação de oficial na Escola Inter-armas de Cadetes “General António Maceo”, na República de Cuba 1976/1979;

- Fez formação em comando táctico de Brigada de Infantaria Motorizada, na Academia Militar Vistrel, da ex-URSS, em 1983;

- Fez curso de comando e direcção, no Instituto Superior de Ensino Militar (ISEM), das Forças Armadas Angolanas (FAA), em 1995.

Cargos desempenhados

- Oficial de Planificação Administrativa do Departamento Táctico-Operativo da Direcção de Operações do Estado-Maior General, 1979/1980;

- Primeiro oficial de Ciências Militares - Direcção de Operações do Estado-Maior General, 1980/1981;

- Chefe do Estado-Maior e comandante da 19ª Brigada de Infantaria, na 5ª Região Militar, 1981/1983;

- Chefe de Operações da 9ª Região Militar, 1983/1985;

- Chefe do Estado-Maior da 9ª Região Militar, 1985/1986;

- Comandante da 9ª Região Militar, 1986/1988;

- Comandante da Zona Militar Bié, 1988/1990;

- Chefe do Estado-Maior da Agrupação Cuito-Cuanavale, em 1990;

- Segundo comandante da Frente Militar Sul, 1990/1991;

- Comandante da Frente Militar Sul, 1991/1992;

- Comandante da Zona Militar Malanje, 1992/1993;

- Comandante da 5ª Região Militar, 1993/2002;

- Coordenador do Comité Executivo Militar do processo de paz do Luena, 2002/2003;

- Chefe da Direcção Principal de Operações do Estado-Maior General das FAA, 2003/2006;

- Coordenador do Grupo Operativo da Comissão Executiva de Desminagem, 2005/2008;

 - Chefe da Comissão Militar Mista para o processo de paz na província de Cabinda, em 2006;

 - Chefe do Estado-Maior General das FAA, 2006/2010.