PR e Tony Blair abordam investimento em Angola

  • Presidente da República, João Lourenço
Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, interagiu, nesta quinta-feira, com o antigo Primeiro-Ministro britânico, Tony Blair, num painel, no fórum “África Debate”, que teve a moderação do economista guineense Carlos Lopes.

Em nota, a Secretaria de Imprensa do Presidente da República refere que neste segundo dia consecutivo do fórum “África Debate”, João Lourenço e Tony Blair reflectiram, por videoconferência, sobre o progresso das reformas em curso em Angola, em diferentes planos e apresentaram a sua visão acerca das oportunidades de investimento em Angola.

O painel que “juntou” as duas entidades foi o ponto mais alto do fórum “África Debate”, uma organização da Invest África. com o apoio do Instituto britânico para a Mudança Global e da Agência de Investimento Privado e Promoção das Exportações de Angola (AIPEX).

Na quarta-feira, primeiro dia do evento, o Presidente João Lourenço, que interveio igualmente por videoconferência, convidou os investidores internacionais a conhecerem as oportunidades de negócios em Angola e as “grandes vantagens competitivas” que o país oferece.

Na ocasião, João Lourenço lembrou que o Governo angolano tem adoptado medidas para melhorar o ambiente de negócios no país e sublinhou a aprovação, pelo Parlamento, das leis sobre o investimento privado e a promoção da concorrência no mercado.

O Chefe de Estado destacou a liberalização, pelo Executivo, da taxa de câmbio e avançou com acções contra a corrupção e a impunidade.

Enquadrado no “África Debate”, o fórum sobre Investimento em Angola tem o envolvimento do Instituto para a Mudança Global, liderado pelo antigo Primeiro-Ministro do Reino Unido Tony Blair.

Angola foi escolhido como país em destaque na edição de 2020 do "África Debate" em reconhecimento pelas "notáveis" reformas que tem vindo a implementar no domínio do ambiente de negócios, combate à corrupção e diversificação da economia, um engajamento que desperta o interesse crescente da comunidade internacional.

Em nota, a Secretaria de Imprensa do Presidente da República refere que neste segundo dia consecutivo do fórum “África Debate”, João Lourenço e Tony Blair reflectiram, por videoconferência, sobre o progresso das reformas em curso em Angola, em diferentes planos e apresentaram a sua visão acerca das oportunidades de investimento em Angola.

O painel que “juntou” as duas entidades foi o ponto mais alto do fórum “África Debate”, uma organização da Invest África. com o apoio do Instituto britânico para a Mudança Global e da Agência de Investimento Privado e Promoção das Exportações de Angola (AIPEX).

Na quarta-feira, primeiro dia do evento, o Presidente João Lourenço, que interveio igualmente por videoconferência, convidou os investidores internacionais a conhecerem as oportunidades de negócios em Angola e as “grandes vantagens competitivas” que o país oferece.

Na ocasião, João Lourenço lembrou que o Governo angolano tem adoptado medidas para melhorar o ambiente de negócios no país e sublinhou a aprovação, pelo Parlamento, das leis sobre o investimento privado e a promoção da concorrência no mercado.

O Chefe de Estado destacou a liberalização, pelo Executivo, da taxa de câmbio e avançou com acções contra a corrupção e a impunidade.

Enquadrado no “África Debate”, o fórum sobre Investimento em Angola tem o envolvimento do Instituto para a Mudança Global, liderado pelo antigo Primeiro-Ministro do Reino Unido Tony Blair.

Angola foi escolhido como país em destaque na edição de 2020 do "África Debate" em reconhecimento pelas "notáveis" reformas que tem vindo a implementar no domínio do ambiente de negócios, combate à corrupção e diversificação da economia, um engajamento que desperta o interesse crescente da comunidade internacional.