Covid-19: Bié intacta sem registo de óbito

Luanda – Bié é a única província de Angola que, até ao momento, ainda não registou caso de morte por Covid-19, apesar de também ser afectada pela pandemia.

Segundo o boletim sanitário nacional, que coloca Luanda na liderança de casos positivos e óbitos, a província do Bié regista 33 doentes activos e 37 recuperados.

Com 16 novas infecções e 238 recuperações, nas últimas 24 horas, Luanda continua a ser a única província com contaminação comunitária do vírus, somando 4.476 doentes activos, 7.633 recuperados e 301 óbitos.

Na lista das 18 províncias afectadas pela Covid-19 em Angola, Benguela segue a capital do país, com 237 activos, 435 recuperados e 20 mortes, vindo a seguir Cabinda, que tem 566 activos, 83 recuperados e seis óbitos.

Imediatamente vêm as províncias do Zaire com 236 activos, 295 recuperados e 16 mortes, e do Cuanza Norte, que tem 369 activos, 30 recuperados e um óbito.

A Huíla segue com 92 activos, 263 recuperados e 10 óbitos. Cuanza Sul soma 43 activos, 282 recuperados e três fatalidades. Huambo conta com 100 activos, 195 recuperados e seis óbitos.

Malanje contabiliza 102 infectados, 124 recuperados e quatro mortes, enquanto Namibe tem sete activos, 198 recuperados e cinco mortes.

Lunda Norte tem 151 activos, 46 recuperados e três óbitos, enquanto Cunene regista 27 activos, 161 recuperados e  dois óbitos.

Moxico contabiliza 35 activos, 125 recuperados e três óbitos, ao passo que Lunda Sul soma 56 activos, 121 recuperados e duas mortes.

Uige conta com 33 doentes, 110 curados e 11 mortes, enquanto o Cuando Cubango tem nove activos, 105 recuperados e quatro óbitos.

Apesar de estar próxima da capital do país, Bengo é a província com menos casos positivos em Angola, somando 15 activos, 11 recuperados e dois óbitos.

Com esses dados, o país passa a somar, nas últimas 24 horas, 17.240 infectados, sendo 6.587 activos, 10.254 recuperados e 399 mortes.

 

Segundo o boletim sanitário nacional, que coloca Luanda na liderança de casos positivos e óbitos, a província do Bié regista 33 doentes activos e 37 recuperados.

Com 16 novas infecções e 238 recuperações, nas últimas 24 horas, Luanda continua a ser a única província com contaminação comunitária do vírus, somando 4.476 doentes activos, 7.633 recuperados e 301 óbitos.

Na lista das 18 províncias afectadas pela Covid-19 em Angola, Benguela segue a capital do país, com 237 activos, 435 recuperados e 20 mortes, vindo a seguir Cabinda, que tem 566 activos, 83 recuperados e seis óbitos.

Imediatamente vêm as províncias do Zaire com 236 activos, 295 recuperados e 16 mortes, e do Cuanza Norte, que tem 369 activos, 30 recuperados e um óbito.

A Huíla segue com 92 activos, 263 recuperados e 10 óbitos. Cuanza Sul soma 43 activos, 282 recuperados e três fatalidades. Huambo conta com 100 activos, 195 recuperados e seis óbitos.

Malanje contabiliza 102 infectados, 124 recuperados e quatro mortes, enquanto Namibe tem sete activos, 198 recuperados e cinco mortes.

Lunda Norte tem 151 activos, 46 recuperados e três óbitos, enquanto Cunene regista 27 activos, 161 recuperados e  dois óbitos.

Moxico contabiliza 35 activos, 125 recuperados e três óbitos, ao passo que Lunda Sul soma 56 activos, 121 recuperados e duas mortes.

Uige conta com 33 doentes, 110 curados e 11 mortes, enquanto o Cuando Cubango tem nove activos, 105 recuperados e quatro óbitos.

Apesar de estar próxima da capital do país, Bengo é a província com menos casos positivos em Angola, somando 15 activos, 11 recuperados e dois óbitos.

Com esses dados, o país passa a somar, nas últimas 24 horas, 17.240 infectados, sendo 6.587 activos, 10.254 recuperados e 399 mortes.