Covid-19: Síntese Nacional

  • Ilustracao Covid 19
Luanda - Angola anunciou o registo, até às 19 horas de quinta-feira, de 125 pacientes recuperados, 104 novos caso e três óbitos.

Dos recuperados, 103 foram  em Luanda, 13 na Huíla, cinco em Benguela, cinco no Zaire,  e as províncias do Bengo, Malanje e Uíge  anunciaram um caso cada.

Entre os  novos infectados, 66 são homens e 38 mulheres, com idades que variam de um a 64 anos. Quarenta e três oram diagnosticados em Luanda, 24 no Huambo, 10 em Cabinda, 10 em Benguela, nove no Namibe, sete no Cuando Cubango e um caso no Cunene.

Dois óbitos foram reportados na província de Luanda e um em Benguela, sendo dois do sexo masculino e um feminino, com 54, 59 e 60 anos, respectivamente.

Os laboratórios processaram 3.322 amostras na base da biologia molecular, o que representa uma taxa de positividade de 3.1 por cento.

Nas diversas unidades sanitárias do país estão 644 doentes a receberem tratamento da Covid-19.

Em quarentena institucional estão 424 pessoas e 18 tiveram alta, sendo 12 em Cabinda e seis em Malanje.

As autoridades controlam sob vigilância epidemiológica 4.071 pessoas.

A Equipa de Saúde Mental e Intervenção Psico-social assistiu 12 utentes, 12 técnicos de saúde e  248 famílias de utentes.

A Linha de Apoio Psicó-social atendeu 42 pessoas, enquanto o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) recebeu 72 chamadas relacionadas com pedidos de informação sobre a Covid-19.

Os dados gerais apontam para o registo de  13.057 casos positivos, com 315 óbitos, 6.250 recuperados e 6.492 activos. Dos activos, oito estão em estado crítico com ventilação mecânica invasiva, 14 graves, 185 moderados, 437 com sintomas leves e 5.848 assintomáticos.