ACEPA doa USD 10 milhões ao Estado angolano

  • Ministros dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás e da Saúde assinam acordo
Luanda – A Associação de Empresas Exploradoras de Petróleo de Angola (ACEPA) doou às autoridades angolanas, esta segunda-feira, 10 milhões de dólares para aquisição de vacinas contra a Covid-19.

Um acordo para o efeito foi rubricado pelos ministros da Saúde, Sílvia Lutucuta, e dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás (MIREMPET), Diamantino Azevedo, pela parte angolana, e pelo Director da ACEPA, Oliver Jouny, visando a aquisição de 500 mil doses de vacinas.

Na ocasião, a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, disse haver uma equipa criada para trabalhar em todo o processo de aquisição das vacinas, com recurso as plataformas internacionais disponíveis para o efeito.

Manifestou o seu apoio e da sua equipa durante o processo, para que se tenha as vacinas disponíveis, referindo que irão trabalhar de forma afincada na aquisição, numa primeira instância, e na melhor utilização das mesmas.

Mostrou-se satisfeita com o apoio recebido para combater e continuar essa luta sem tréguas contra a Covid-19, realçando que o MIREMPET e toda a indústria do sector têm sido um parceiro importante em vários domínios como prevenção, avaliação de risco, vigilância epidemiológica, laboratorial e manejo de casos.

Por sua vez, Diamantino Azevedo acrescentou que esta doação é apenas o acrescentar de todas as iniciativas que têm sido feitas pela indústria petrolífera.

Reafirmou que continuarão a trabalhar com o MINSA para que o país consiga vencer essa batalha.

Agradeceu as empresas operadoras de petróleo no país, que contribuíram com a doação, apelando-as a continuarem a participar, de forma activa, na luta contra a Covid-19.

Já o director da ACEPA em Angola, Oliver Jouny, referiu que o acordo vai permitir sair progressivamente da actual situação sanitária, considerando como bom exemplo a parceria público-privada que existe no sector petrolífero.

Pediu aos colaboradores e contratados a se vacinarem, para permitir, o mais rapidamente possível, um retorno a actividade normal.

Um acordo para o efeito foi rubricado pelos ministros da Saúde, Sílvia Lutucuta, e dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás (MIREMPET), Diamantino Azevedo, pela parte angolana, e pelo Director da ACEPA, Oliver Jouny, visando a aquisição de 500 mil doses de vacinas.

Na ocasião, a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, disse haver uma equipa criada para trabalhar em todo o processo de aquisição das vacinas, com recurso as plataformas internacionais disponíveis para o efeito.

Manifestou o seu apoio e da sua equipa durante o processo, para que se tenha as vacinas disponíveis, referindo que irão trabalhar de forma afincada na aquisição, numa primeira instância, e na melhor utilização das mesmas.

Mostrou-se satisfeita com o apoio recebido para combater e continuar essa luta sem tréguas contra a Covid-19, realçando que o MIREMPET e toda a indústria do sector têm sido um parceiro importante em vários domínios como prevenção, avaliação de risco, vigilância epidemiológica, laboratorial e manejo de casos.

Por sua vez, Diamantino Azevedo acrescentou que esta doação é apenas o acrescentar de todas as iniciativas que têm sido feitas pela indústria petrolífera.

Reafirmou que continuarão a trabalhar com o MINSA para que o país consiga vencer essa batalha.

Agradeceu as empresas operadoras de petróleo no país, que contribuíram com a doação, apelando-as a continuarem a participar, de forma activa, na luta contra a Covid-19.

Já o director da ACEPA em Angola, Oliver Jouny, referiu que o acordo vai permitir sair progressivamente da actual situação sanitária, considerando como bom exemplo a parceria público-privada que existe no sector petrolífero.

Pediu aos colaboradores e contratados a se vacinarem, para permitir, o mais rapidamente possível, um retorno a actividade normal.