Covid-19: APA doa meios de biossegurança a uma escola

  • Dístico do Covid-19 Novo Coronavírus
Moçâmedes - Um kit de meios de biossegurança para a prevenção da Covid-19 foi doado hoje, sexta-feira, pela Associação dos Professores Angolanos (APA) a escola primária do ensino geral número 12, do Bairro de 5 de Abril, no município de Moçâmedes, província do Namibe.

Dos meios entregues consta baldes  com capacidade de 120 litros de água, oito caixas de lixívia, uma caixa de álcool gel com 72 frascos, sabão azul, máscaras, entre outros meios.

O director Municipal da Educação de Moçâmedes, Paulo Modelo, assegurou que os meios doados para a referida instituição escolar servirão para a higienização da mesma até ao final do ano.

Indicou ainda que os frascos de álcool em gel serão distribuídos aos docentes e  as máscaras para crianças vulneráveis que frequentam este estabelecimento escolar.

Fez saber que o sector municipal de educação não tem capacidade   de atender todas escolas  que o município sede possui, razão pela qual reputou de extrema importância todos os apoios que surjam deste género.  

O director da instituição, Henriques Hequele, agradeceu  o gesto da APA por ter escolhido a sua escola para apoiar com meios de biossegurança mais de mil alunos e os mais de quarenta e nove docentes e pessoal administrativo.

O presidente da Associação dos Professores Angolanos (APA),  Benedito Sessa Saiachica, disse que a sua agremiação, como  parte integrante da sociedade civil, dentro das suas possibilidades  a nível da província do Namibe, elegeu a escola primária  número 12, do Bairro do 5 de Abril.

Dos meios entregues consta baldes  com capacidade de 120 litros de água, oito caixas de lixívia, uma caixa de álcool gel com 72 frascos, sabão azul, máscaras, entre outros meios.

O director Municipal da Educação de Moçâmedes, Paulo Modelo, assegurou que os meios doados para a referida instituição escolar servirão para a higienização da mesma até ao final do ano.

Indicou ainda que os frascos de álcool em gel serão distribuídos aos docentes e  as máscaras para crianças vulneráveis que frequentam este estabelecimento escolar.

Fez saber que o sector municipal de educação não tem capacidade   de atender todas escolas  que o município sede possui, razão pela qual reputou de extrema importância todos os apoios que surjam deste género.  

O director da instituição, Henriques Hequele, agradeceu  o gesto da APA por ter escolhido a sua escola para apoiar com meios de biossegurança mais de mil alunos e os mais de quarenta e nove docentes e pessoal administrativo.

O presidente da Associação dos Professores Angolanos (APA),  Benedito Sessa Saiachica, disse que a sua agremiação, como  parte integrante da sociedade civil, dentro das suas possibilidades  a nível da província do Namibe, elegeu a escola primária  número 12, do Bairro do 5 de Abril.