Covid-19: Escolas primárias do Lubango dotadas de kits de biossegurança  

Lubango - Cento e cinquenta e três kits de material de biossegurança, para o reforço da prevenção contra a Covid-19, foram distribuídos esta semana em escolas do ensino primário no município do Lubango, na Huíla.

Os meios foram adquiridos com recursos do Programa de Combate à Fome e à Pobreza, pela administração do Lubango.

Cada kit é composto por um termómetro a laser, quatro baldes de 30 litros com torneira, um pulverizador e seu fato de protecção, cinco litros de lixívia, 10 litros de álcool em gel, cinco barras de sabão azul e 10 viseiras.

Ao falar hoje, sexta-feira, no acto de entrega simbólica do material, o administrador do Lubango, Armando Vieira, afirmou que contam com o apoio do governo que está a melhorar o abastecimento de água nas escolas do ensino primário.

Detalhou que  25 escolas já beneficiaram da melhoria do fornecimento de água da empresa provincial de águas e pela administração local, com a colocação de mais torneiras para a higienização das mãos.

Conforme o responsável,  a administração já contactou alguns fornecedores privados que vão passar por algumas escolas onde não tem água corrente para se fazer o abastecimento periódico do líquido.

A direcção municipal da Educação do Lubango controla no presente ano lectivo 150 mil e 400 alunos do ensino primário matriculados em 153 escolas.

A província da Huíla conta com um acumulado de 375 casos positivos, com 116 recuperados e 12 óbitos. As autoridaees controlam 218 casos, todos assintomáticos. 

Os meios foram adquiridos com recursos do Programa de Combate à Fome e à Pobreza, pela administração do Lubango.

Cada kit é composto por um termómetro a laser, quatro baldes de 30 litros com torneira, um pulverizador e seu fato de protecção, cinco litros de lixívia, 10 litros de álcool em gel, cinco barras de sabão azul e 10 viseiras.

Ao falar hoje, sexta-feira, no acto de entrega simbólica do material, o administrador do Lubango, Armando Vieira, afirmou que contam com o apoio do governo que está a melhorar o abastecimento de água nas escolas do ensino primário.

Detalhou que  25 escolas já beneficiaram da melhoria do fornecimento de água da empresa provincial de águas e pela administração local, com a colocação de mais torneiras para a higienização das mãos.

Conforme o responsável,  a administração já contactou alguns fornecedores privados que vão passar por algumas escolas onde não tem água corrente para se fazer o abastecimento periódico do líquido.

A direcção municipal da Educação do Lubango controla no presente ano lectivo 150 mil e 400 alunos do ensino primário matriculados em 153 escolas.

A província da Huíla conta com um acumulado de 375 casos positivos, com 116 recuperados e 12 óbitos. As autoridaees controlam 218 casos, todos assintomáticos.