Covid-19: Laboratório da Lunda Norte pronto em Novembro

Dundo - O laboratório regional da Lunda Norte, com capacidade para mais de mil testes/dia de Covid-19, estará pronto no final de Novembro do ano em curso, anunciou hoje, segunda-feira, o governador local, Ernesto Muangala.

O laboratório, que será instalado no Centro de Diagnóstico do Dundo, vai atender as três províncias do Leste do país (Lunda Sul, Lunda Norte e Moxico) e deverá realizar, para além do teste de Covid-19, outros exames moleculares na região.

Em declarações à imprensa, no final da visita ao centro de diagnóstico, para avaliar as alterações de construção civil  nas salas onde serão instalados os equipamentos laboratoriais, Ernesto Muangala avançou que as obras de requalificação do local regista 60 por cento de execução física.

Acrescentou que 90 por cento do material para a instalação do laboratório já se encontra na província e tão logo terminarem as obras de requalificação serão montados, num período de 15 dias.

O Estado angolano gastou mais de cinco milhões de dólares norte-americanos na aquisição de laboratórios para as províncias de Luanda, Lunda Norte, Huambo e Uíge, para um total de seis mil testes/dia todos juntos.

Relactivamente ao novo hospital com 100 camas para o internamento e tratamento de pacientes com Covid-19, disse que estão a ser ultimadas as condições para que comece a ser montado o mais breve possível.

A unidade préfabricada, que terá mais de 30 anos de vida útil, será erguida no município de Chitato, num espaço adjacente ao Hospital Materno Infantil, no bairro 28 de Agosto.

A unidade comportará áreas de apoio hospitalar, administrativa, uma incineradora para o tratamento do lixo hospitalar, laboratório, entre outros compartimentos inerentes a assistência médica e medicamentosa.

Com esta unidade, a Lunda Norte passa a contar com 500 camas para internar e tratar pacientes leves, moderados e severos. A província da Lunda Norte, com 71 cidadãos em quarentena domiciliar, tem o registo de um caso positivo em Julho, já recuperado.

O laboratório, que será instalado no Centro de Diagnóstico do Dundo, vai atender as três províncias do Leste do país (Lunda Sul, Lunda Norte e Moxico) e deverá realizar, para além do teste de Covid-19, outros exames moleculares na região.

Em declarações à imprensa, no final da visita ao centro de diagnóstico, para avaliar as alterações de construção civil  nas salas onde serão instalados os equipamentos laboratoriais, Ernesto Muangala avançou que as obras de requalificação do local regista 60 por cento de execução física.

Acrescentou que 90 por cento do material para a instalação do laboratório já se encontra na província e tão logo terminarem as obras de requalificação serão montados, num período de 15 dias.

O Estado angolano gastou mais de cinco milhões de dólares norte-americanos na aquisição de laboratórios para as províncias de Luanda, Lunda Norte, Huambo e Uíge, para um total de seis mil testes/dia todos juntos.

Relactivamente ao novo hospital com 100 camas para o internamento e tratamento de pacientes com Covid-19, disse que estão a ser ultimadas as condições para que comece a ser montado o mais breve possível.

A unidade préfabricada, que terá mais de 30 anos de vida útil, será erguida no município de Chitato, num espaço adjacente ao Hospital Materno Infantil, no bairro 28 de Agosto.

A unidade comportará áreas de apoio hospitalar, administrativa, uma incineradora para o tratamento do lixo hospitalar, laboratório, entre outros compartimentos inerentes a assistência médica e medicamentosa.

Com esta unidade, a Lunda Norte passa a contar com 500 camas para internar e tratar pacientes leves, moderados e severos. A província da Lunda Norte, com 71 cidadãos em quarentena domiciliar, tem o registo de um caso positivo em Julho, já recuperado.