Covid-19: UNAC promove concurso de música sobre a pandemia

  • Agrupamento musical Jovens do Prenda
Lobito – Um concurso de música sobre a Covid-19 terá lugar a partir de 18 deste mês, na cidade do Lobito, província de Benguela, apurou quarta-feira, a ANGOP.

Promovido pela União Nacional dos Artistas e Compositores (UNAC), em parceira com as estações da Rádio Mais e Emissora Regional do Lobito da RNA, as músicas divulgadas pelas duas emissoras serão via “SMS”, à semelhança do concurso “Top dos mais queridos” da Rádio Nacional de Angola, segundo explicou o coordenador do projecto, Jaime da Costa “Tiviné”.

Fez saber que vão participar no evento 15 candidatos cadastrados nas duas rádios com um código através do qual os ouvintes votarão, até ao dia 28 do corrente mês.

“Alguns deles já se encontram em estúdio a gravar as suas músicas e apenas cinco candidatos serão apurados ”, alertou.

Acrescentou ainda que melhor letra, melodia e voz serão critérios indicativos fundamentais à conquista dos prémios em disputa.

No final, acrescentou, haverá uma mini-gala, observando-se as medidas de biossegurança contra a pandemia, que contará com a  animação de alguns artistas locais consagrados para dar outra dinâmica ao concurso.

“Os prémios estão assegurados por  alguns empresários e pessoas singulares amigas da cultura”, informou.

De acordo com Tiviné, haverá outras edições a serem realizadas nos municípios da Catumbela, Benguela e Baía Farta.

A primeira experiência decorreu no município da Ganda, no passado mês de Novembro.

Promovido pela União Nacional dos Artistas e Compositores (UNAC), em parceira com as estações da Rádio Mais e Emissora Regional do Lobito da RNA, as músicas divulgadas pelas duas emissoras serão via “SMS”, à semelhança do concurso “Top dos mais queridos” da Rádio Nacional de Angola, segundo explicou o coordenador do projecto, Jaime da Costa “Tiviné”.

Fez saber que vão participar no evento 15 candidatos cadastrados nas duas rádios com um código através do qual os ouvintes votarão, até ao dia 28 do corrente mês.

“Alguns deles já se encontram em estúdio a gravar as suas músicas e apenas cinco candidatos serão apurados ”, alertou.

Acrescentou ainda que melhor letra, melodia e voz serão critérios indicativos fundamentais à conquista dos prémios em disputa.

No final, acrescentou, haverá uma mini-gala, observando-se as medidas de biossegurança contra a pandemia, que contará com a  animação de alguns artistas locais consagrados para dar outra dinâmica ao concurso.

“Os prémios estão assegurados por  alguns empresários e pessoas singulares amigas da cultura”, informou.

De acordo com Tiviné, haverá outras edições a serem realizadas nos municípios da Catumbela, Benguela e Baía Farta.

A primeira experiência decorreu no município da Ganda, no passado mês de Novembro.