Vacinação contra Covid-19 no Cuanza Norte começa sábado

  • Vacinação de professores contra a Covid-19
Ndalatando - Seis mil duzentas e cinquenta doses de vacinas contra a Covid-19 estão disponíveis para a vacinação , na província do Cuanza Norte.

O processo, cujo acto de abertura será na cidade de Ndalatando, no sábado, vai abranger, numa primeira, fase idosos a partir dos 60 anos de idade, profissionais da saúde, membros das Forças Armadas Angolana e da Policia Nacional, assim como professores.

 O município do Cazengo, sede da província,  vai  beneficiar  2 mil 250 dozes  da vacina Astrazeneca  e as restantes serão para os outros 9 municipios.

Para o efeito, estão disponíveis 100 técnicos de saúde.

A província do Cuanza Norte  tem o registo de 398  casos positvos de Covid- 19, mas desde Dezembro de 2020 não teve novos registos.

Angola adquiriu, em principio de Março desde ano,  624 mil doses de vacina contra a Covid-19, disponibilizado pela COVAX-Facility, como parte de um lote de dois milhões 172 mil doses, que devem chegar ao país até ao final do mês de Maio deste ano.

O pais espera receber, até final de Junho, 6.4 milhões de doses da  vacina AstraZeneca ou outras disponíveis para cobrir as necessidades da primeira etapa do Plano de Vacinação contra a Covid-19, gizado pelo Ministério da Saúde, cobrindo 20 por cento da população.

No total, estão previstos serem vacinados 52 por cento da população, um total de 16.823.284 de cidadãos maiores de 16 anos.

O processo de vacinação em Angola está a decorrer, acutalmente, nas províncias de Luanda, Benguela, Cabinda  e da Huila.

 

O processo, cujo acto de abertura será na cidade de Ndalatando, no sábado, vai abranger, numa primeira, fase idosos a partir dos 60 anos de idade, profissionais da saúde, membros das Forças Armadas Angolana e da Policia Nacional, assim como professores.

 O município do Cazengo, sede da província,  vai  beneficiar  2 mil 250 dozes  da vacina Astrazeneca  e as restantes serão para os outros 9 municipios.

Para o efeito, estão disponíveis 100 técnicos de saúde.

A província do Cuanza Norte  tem o registo de 398  casos positvos de Covid- 19, mas desde Dezembro de 2020 não teve novos registos.

Angola adquiriu, em principio de Março desde ano,  624 mil doses de vacina contra a Covid-19, disponibilizado pela COVAX-Facility, como parte de um lote de dois milhões 172 mil doses, que devem chegar ao país até ao final do mês de Maio deste ano.

O pais espera receber, até final de Junho, 6.4 milhões de doses da  vacina AstraZeneca ou outras disponíveis para cobrir as necessidades da primeira etapa do Plano de Vacinação contra a Covid-19, gizado pelo Ministério da Saúde, cobrindo 20 por cento da população.

No total, estão previstos serem vacinados 52 por cento da população, um total de 16.823.284 de cidadãos maiores de 16 anos.

O processo de vacinação em Angola está a decorrer, acutalmente, nas províncias de Luanda, Benguela, Cabinda  e da Huila.