Cacuaco projecta melhorias no tráfego automóvel

Luanda - O município de Cacuaco deverá ganhar, dentro de sete meses, maior mobilidade automóvel, no âmbito de um programa de asfaltagem e betonagem iniciado, esta terça-feira, com a colocação da primeira pedra pela governadora de Luanda, Joana Lina.

A governante lançou a pedra para reabilitação das vias Wadadame/Centro de Saúde do Kicolo, Cowboy/Mayé Mayé e a estrada que liga o Mercado do Kiokolo ao Puniv do Paraíso, visando facilitar a transportação de pessoas e o escoamento de bens numa circunscrição potencialmente agrícola, com realce para as áreas da Funda e Kilunda.

Ao falar à imprensa no final de uma jornada de campo, o administrado local, Auxílio Jacob, sublinhou a necessidade de melhorar a circulação rodoviária no interior do município, entre os distritos urbano do Kikilo, Mulenvos, a comuna da Funda a Vila de Cacuaco.

Disse acreditar que, com o fim das obras, haverá atracão de novos investidores que darão maior dinâmica aos sectores do comércio e da indústria.  

Deu a conhecer que os trabalhos das três vias abrangem vinte e dois quilómetros e estão orçados em mais de cinco milhões de kwanzas, devendo duas serem concluídas em sete meses e outra em um ano.

As obras estão incluídas no Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Com mais de um milhão de habitantes, o município de Cacuaco é constituído pelos bairros Belo Monte, Paraíso, Boa Esperança, Kikolo, Sequele e a comuna da Funda.  

A governante lançou a pedra para reabilitação das vias Wadadame/Centro de Saúde do Kicolo, Cowboy/Mayé Mayé e a estrada que liga o Mercado do Kiokolo ao Puniv do Paraíso, visando facilitar a transportação de pessoas e o escoamento de bens numa circunscrição potencialmente agrícola, com realce para as áreas da Funda e Kilunda.

Ao falar à imprensa no final de uma jornada de campo, o administrado local, Auxílio Jacob, sublinhou a necessidade de melhorar a circulação rodoviária no interior do município, entre os distritos urbano do Kikilo, Mulenvos, a comuna da Funda a Vila de Cacuaco.

Disse acreditar que, com o fim das obras, haverá atracão de novos investidores que darão maior dinâmica aos sectores do comércio e da indústria.  

Deu a conhecer que os trabalhos das três vias abrangem vinte e dois quilómetros e estão orçados em mais de cinco milhões de kwanzas, devendo duas serem concluídas em sete meses e outra em um ano.

As obras estão incluídas no Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Com mais de um milhão de habitantes, o município de Cacuaco é constituído pelos bairros Belo Monte, Paraíso, Boa Esperança, Kikolo, Sequele e a comuna da Funda.