Chuva faz dois mortos e destrói hospital no Luau

  • Hospital danificado
Luau - Duas pessoas morreram, oito feridos, destruição total do hospital municipal, entre outras infra-estruturas, são os danos provisórios provocados pela chuva, nas últimas 24 horas, no município do Luau, província do Moxico.

Dados disponibilizados pela administradora do município fronteiriço do Luau, Filomena Miza Aires, apontam, igualmente, a queda de uma escola, 15 postos de iluminação pública, armazém do Caminho de Ferro de Benguela (CFB) e residências de construção precária.

Conforme a responsável,  o efectivo do Serviço dos Bombeiros e Protecção Civil (SBPC) continuam a proceder ao levantamento dos danos  e a translferência provisória dos doentes  para uma escola primária.

Para o efeito,  foram criadas duas comissões, uma para acompanhar a transferência dos doentes e outra trabalha nas  comunidades  no levantamento de vítimas do sinistro.

O governador provincial do Moxico, Gonçalves Muandumba, que se deslocou para o município, encabeça uma comissão técnica que avalia os prejuízos causados pelas chuvas.

Dados disponibilizados pela administradora do município fronteiriço do Luau, Filomena Miza Aires, apontam, igualmente, a queda de uma escola, 15 postos de iluminação pública, armazém do Caminho de Ferro de Benguela (CFB) e residências de construção precária.

Conforme a responsável,  o efectivo do Serviço dos Bombeiros e Protecção Civil (SBPC) continuam a proceder ao levantamento dos danos  e a translferência provisória dos doentes  para uma escola primária.

Para o efeito,  foram criadas duas comissões, uma para acompanhar a transferência dos doentes e outra trabalha nas  comunidades  no levantamento de vítimas do sinistro.

O governador provincial do Moxico, Gonçalves Muandumba, que se deslocou para o município, encabeça uma comissão técnica que avalia os prejuízos causados pelas chuvas.