Dois mortos durante vandalização de esquadra em Cacuaco

  • Namibe: lançamento da primeira pedra do projecto de desenvolvimento da Baia de Moçâmedes, feito pelo Ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu
Luanda – Duas pessoas morreram e três foram detidas depois de um grupo de indivíduos ter atacado e vandalizado uma esquadra da Polícia Nacional, localizada no bairro Boa Esperança, município de Cacuaco, em Luanda.

Em declarações à Rádio Luanda, o director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Comando Provincial da Polícia em Luanda, Inspector-chefe Nestor Goubel, informou que no domingo (28), pelas 21 horas, 20 indivíduos cercaram a esquadra da Boa Esperança e agrediram a sentinela. 

Em sua defesa, continuou o inspector-chefe, e para preservar a sua integridade física e salvaguardar o património público, o agente efectuou alguns disparos, acabando por atingir um dos invasores que acabou por sucumbir.

Esclareceu que em seguida, o mesmo grupo e outros indivíduos que se lhes juntaram investiram contra a esquadra com objectos contundentes, destruindo vidros, lâmpadas, uma viatura da polícia e outra de um cidadão.

Em consequência da intervenção da Policia foram detidos os três elementos e um dos que tentou fugir foi colhido mortalmente.

“ Na altura em que a polícia ia dispersando os indivíduos que estavam a vandalizar a esquadra, eles meteram-se em fuga e um deles foi atropelado mortalmente por uma viatura que passava na altura, quando tentava atravessar a estrada”, explicou.

O inspector-chefe disse ainda que estão já tomadas algumas medidas de segurança no perímetro da esquadra e arredores e prosseguem as diligências para o esclarecimento dos factos.       

 

 

Em declarações à Rádio Luanda, o director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Comando Provincial da Polícia em Luanda, Inspector-chefe Nestor Goubel, informou que no domingo (28), pelas 21 horas, 20 indivíduos cercaram a esquadra da Boa Esperança e agrediram a sentinela. 

Em sua defesa, continuou o inspector-chefe, e para preservar a sua integridade física e salvaguardar o património público, o agente efectuou alguns disparos, acabando por atingir um dos invasores que acabou por sucumbir.

Esclareceu que em seguida, o mesmo grupo e outros indivíduos que se lhes juntaram investiram contra a esquadra com objectos contundentes, destruindo vidros, lâmpadas, uma viatura da polícia e outra de um cidadão.

Em consequência da intervenção da Policia foram detidos os três elementos e um dos que tentou fugir foi colhido mortalmente.

“ Na altura em que a polícia ia dispersando os indivíduos que estavam a vandalizar a esquadra, eles meteram-se em fuga e um deles foi atropelado mortalmente por uma viatura que passava na altura, quando tentava atravessar a estrada”, explicou.

O inspector-chefe disse ainda que estão já tomadas algumas medidas de segurança no perímetro da esquadra e arredores e prosseguem as diligências para o esclarecimento dos factos.