Empreendedores recebem kits para geração de renda no Luau

Luena – Vários empreendedores do município fronteiriço do Luau, província do Moxico, receberam este sábado kits de trabalho para geração de renda e de emprego, no quadro do programa de combate à pobreza.

Trata-se de ex-militares, parteiras tradicionais, vendedoras ambulantes e associações juvenis, que receberam motorizadas de três rodas, quiosques, máquinas de costura, kits de saúde para parteiras tradicionais, de equipamentos de salão de beleza e decoração.

Presidido pelo governador provincial do Moxico, Gonçalves Muandumba, no acto foram ainda entregue ração para peixes, equipamentos de apicultura, arcas frigoríficas, kits de pastelaria, kits de inputs agrícolas, material para o fabrico de sabão caseiro, indumentárias de cultura, entre outros.

Fernando Tchifunga, que ganhou um quiosque equipado, louvou a iniciativa do Governo local e disse que vai empregar três ou mais jovens para gestão duradoura do negócio.

Já o ex-militar João Baptista, da associação Luanga, explicou que as motorizadas recebidas vão suprir as dificuldades pelo que passam no transporte dos produtos do campo para cidade, bem como facilitar na mobilidade dos associados do campo para a vila e vice-versa.

Trata-se de ex-militares, parteiras tradicionais, vendedoras ambulantes e associações juvenis, que receberam motorizadas de três rodas, quiosques, máquinas de costura, kits de saúde para parteiras tradicionais, de equipamentos de salão de beleza e decoração.

Presidido pelo governador provincial do Moxico, Gonçalves Muandumba, no acto foram ainda entregue ração para peixes, equipamentos de apicultura, arcas frigoríficas, kits de pastelaria, kits de inputs agrícolas, material para o fabrico de sabão caseiro, indumentárias de cultura, entre outros.

Fernando Tchifunga, que ganhou um quiosque equipado, louvou a iniciativa do Governo local e disse que vai empregar três ou mais jovens para gestão duradoura do negócio.

Já o ex-militar João Baptista, da associação Luanga, explicou que as motorizadas recebidas vão suprir as dificuldades pelo que passam no transporte dos produtos do campo para cidade, bem como facilitar na mobilidade dos associados do campo para a vila e vice-versa.