Formados 514 jovens em empreendedorismo

Luanda - Quinhentos e catorze jovens terminaram com êxito uma formação no domínio do empreendedorismo, tendo recebido os seus certificados esta sexta-feira, em Luanda, no âmbito de um programa de formação e orientação económica a juventude.

Durante 30 dias, os participantes apreenderam conhecimentos sobre diversos domínios, com destaque para “criação e gestão de empresa”, “contabilidade básica” e “gestão de créditos”.

Ao encerrar o acto, a ministra da Juventude e Desporto, Ana Paula de Sacramento, destacou a importância do projecto e reiterou o empenho do Governo em dar resposta objectiva aos anseios da juventude, com base no Plano de Desenvolvimento Nacional 2018/2022.

“Estão aqui jovens que responderam de forma afirmativa ao chamamento do  Executivo para participação activa na economia por via do empreendedorismo como forma de criar o auto emprego”, disse.

O programa prevê alcançar, até 2022, vinte mil jovens em  todo  país e está a ser operacionado pelos institutos angolano da juventude (IAJ) e nacional de pequenas e médias empresas (Inapem).

O mesmo resulta de um protocolo de cooperação entre os ministérios da Juventude e Desporto e da Economia e Planeamento.

 

Durante 30 dias, os participantes apreenderam conhecimentos sobre diversos domínios, com destaque para “criação e gestão de empresa”, “contabilidade básica” e “gestão de créditos”.

Ao encerrar o acto, a ministra da Juventude e Desporto, Ana Paula de Sacramento, destacou a importância do projecto e reiterou o empenho do Governo em dar resposta objectiva aos anseios da juventude, com base no Plano de Desenvolvimento Nacional 2018/2022.

“Estão aqui jovens que responderam de forma afirmativa ao chamamento do  Executivo para participação activa na economia por via do empreendedorismo como forma de criar o auto emprego”, disse.

O programa prevê alcançar, até 2022, vinte mil jovens em  todo  país e está a ser operacionado pelos institutos angolano da juventude (IAJ) e nacional de pequenas e médias empresas (Inapem).

O mesmo resulta de um protocolo de cooperação entre os ministérios da Juventude e Desporto e da Economia e Planeamento.