Governo reafirma políticas de inserção de jovens

Cuito - O Governo do Bié reafirmou, nesta quinta-feira, a a contínua execução de políticas de inserção da juventude na vida social, através da criação de postos de emprego e oferta habitacional.

Na província, perto de três mil jovens beneficiaram de empregos nos últimos dois anos, através de concursos públicos nos sectores da Educação, Saúde e da execução, desde de 2019, de projectos inseridos no Programa Integrado de Intervenção Municipal (PIIM), que permitiram a oferta de mais de dois mil postos de trabalho, dos cinco mil previstos.

Segundo o governador do Bié em exercício, José Fernando Tchatuvela, que falava  na abertura do Workshop Provincial de Análise e Auscultação Operacional Sobre as Temáticas Constantes da Politica Nacional da Juventude, o Executivo tem direccionado a maior parte do Orçamento Geral do Estado (OGE) na implementação de políticas tendentes ao desenvolvimento da classe juvenil.

Antes de apelar aos  jovens a participarem na resolução dos problemas que afectam o país, através do reforço do diálogo, lembrou que o Executivo tem já implementado políticas vocacionadas a inserção de jovens na vida social.

Considera que o diálogo com as plataformas juvenis deve ser a tónica constante na busca de consenso e realizações que se adequam as reais necessidades.

Por seu turno, o director provincial do Gabinete da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos, Nelson Calumbo Quintas, sublinhou a necessidade da participação activa dos jovens no desenvolvimento do país, sendo estes factores de mudança e continuidade dos intentos para uma Angola mais próspera.

O referido Workshop visa a auscultação dos jovens, para a recolha de contributos no quadro do Plano Estratégico Operacional das Acções da Juventude, assente na política inclusiva e participativa.

Conceito de gestão moderna de associações empresariais, principais programas de apoio ao empreendedorismo juvenil no PRODESI e pacotes de apoio a promoção do empreendedorismo juvenil constam dos temas em discussão.

Durante dois dias, os participantes debatem ainda temas ligados aos princípios e estratégias da Política Nacional da Juventude, Plano de Desenvolvimento Nacional e Programas para a Juventude, como a juventude pode contribuir para a melhoria de políticas públicas, entre outros.

 

 

Na província, perto de três mil jovens beneficiaram de empregos nos últimos dois anos, através de concursos públicos nos sectores da Educação, Saúde e da execução, desde de 2019, de projectos inseridos no Programa Integrado de Intervenção Municipal (PIIM), que permitiram a oferta de mais de dois mil postos de trabalho, dos cinco mil previstos.

Segundo o governador do Bié em exercício, José Fernando Tchatuvela, que falava  na abertura do Workshop Provincial de Análise e Auscultação Operacional Sobre as Temáticas Constantes da Politica Nacional da Juventude, o Executivo tem direccionado a maior parte do Orçamento Geral do Estado (OGE) na implementação de políticas tendentes ao desenvolvimento da classe juvenil.

Antes de apelar aos  jovens a participarem na resolução dos problemas que afectam o país, através do reforço do diálogo, lembrou que o Executivo tem já implementado políticas vocacionadas a inserção de jovens na vida social.

Considera que o diálogo com as plataformas juvenis deve ser a tónica constante na busca de consenso e realizações que se adequam as reais necessidades.

Por seu turno, o director provincial do Gabinete da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos, Nelson Calumbo Quintas, sublinhou a necessidade da participação activa dos jovens no desenvolvimento do país, sendo estes factores de mudança e continuidade dos intentos para uma Angola mais próspera.

O referido Workshop visa a auscultação dos jovens, para a recolha de contributos no quadro do Plano Estratégico Operacional das Acções da Juventude, assente na política inclusiva e participativa.

Conceito de gestão moderna de associações empresariais, principais programas de apoio ao empreendedorismo juvenil no PRODESI e pacotes de apoio a promoção do empreendedorismo juvenil constam dos temas em discussão.

Durante dois dias, os participantes debatem ainda temas ligados aos princípios e estratégias da Política Nacional da Juventude, Plano de Desenvolvimento Nacional e Programas para a Juventude, como a juventude pode contribuir para a melhoria de políticas públicas, entre outros.