INAD desmina mais de 10 mil metros quadrados em Saurimo

Saurimo - Dez mil e 596 metros quadrados, na localidade de Mombo Kalanga (Saurimo), província da Lunda Sul, foram desminados em 2020, pelo Instituto Nacional de Desminagem (INAD) na região, revelou hoje, sábado, o chefe de departamento da instituição, José Dumba.

Em declarações à ANGOP, o responsável disse que o INAD previa limpar 250 mil metros quadrados, mas devido à pandemia da covid-19 e a falta de meios logísticos, condicionou a conclusão dos trabalhos, tendo garantido retomar a qualquer momento.

Explicou que a referida área foi solicitada pelo governo provincial, para a edificação de infra-estruturas sociais, no âmbito do Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Disse igualmente que por conta da pandemia, viram-se impedidos de realizar trabalhos de desminagem no cemitério municipal do Muconda, numa área de 132 mil e 840 metros quadrados.

Acrescentou que nesse período foram removidos, a nível da província, 66 engenhos explosivos não detonados, entre mina anti-tanque, pessoais, morteiros de 60 milímetros, granadas de mão, RPG7, armas do tipo AKM, espoleta de morteiro de 82 milímetros, caixa de transporte de canhão e diversas munições de pequeno calibre.

José Dumbo fez saber que, após a conclusão dos trabalhos na localidade do Mombo Kalunga, se prevê igualmente a desminagem de uma área suspeita na zona de Txitaca e Cambongo, município do Muconda, cuja verificação e levantamento ainda não foram feitos para se definir a sua extensão e a existência de mina.

Sublinhou que a província é detentora de várias áreas suspeitas de minas, sobretudo as vias terciárias das sedes municipais às comunais, com destaque para a do Saurimo/Sombo, Chiluange/Cassai Sul (Muconda), Dala/Luma Cassai e Cazage/Biula, mas por falta de condições logísticas e operacionais, tem havido dificuldades de desminagem, apesar de nunca terem sido verificadas.

Conforme o responsável, para o presente ano o Instituto Nacional de Desminagem prevê actuar nas margens do Rio Chicapa, para a construção da Hidrochicapa 2, e conta com 45 sapadores.

Com 534 mil e 231 habitantes (última actualização), o município de Saurimo comporta duas comunas, sendo Sombo e Mona Quimbundo.

 

 

 

Em declarações à ANGOP, o responsável disse que o INAD previa limpar 250 mil metros quadrados, mas devido à pandemia da covid-19 e a falta de meios logísticos, condicionou a conclusão dos trabalhos, tendo garantido retomar a qualquer momento.

Explicou que a referida área foi solicitada pelo governo provincial, para a edificação de infra-estruturas sociais, no âmbito do Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Disse igualmente que por conta da pandemia, viram-se impedidos de realizar trabalhos de desminagem no cemitério municipal do Muconda, numa área de 132 mil e 840 metros quadrados.

Acrescentou que nesse período foram removidos, a nível da província, 66 engenhos explosivos não detonados, entre mina anti-tanque, pessoais, morteiros de 60 milímetros, granadas de mão, RPG7, armas do tipo AKM, espoleta de morteiro de 82 milímetros, caixa de transporte de canhão e diversas munições de pequeno calibre.

José Dumbo fez saber que, após a conclusão dos trabalhos na localidade do Mombo Kalunga, se prevê igualmente a desminagem de uma área suspeita na zona de Txitaca e Cambongo, município do Muconda, cuja verificação e levantamento ainda não foram feitos para se definir a sua extensão e a existência de mina.

Sublinhou que a província é detentora de várias áreas suspeitas de minas, sobretudo as vias terciárias das sedes municipais às comunais, com destaque para a do Saurimo/Sombo, Chiluange/Cassai Sul (Muconda), Dala/Luma Cassai e Cazage/Biula, mas por falta de condições logísticas e operacionais, tem havido dificuldades de desminagem, apesar de nunca terem sido verificadas.

Conforme o responsável, para o presente ano o Instituto Nacional de Desminagem prevê actuar nas margens do Rio Chicapa, para a construção da Hidrochicapa 2, e conta com 45 sapadores.

Com 534 mil e 231 habitantes (última actualização), o município de Saurimo comporta duas comunas, sendo Sombo e Mona Quimbundo.