Jovens morrem vítima de explosão

Ondjiva - Dois jovens do sexo masculino, de 23 e 24 anos de idade, morreram na noite de quarta-feira, na cidade de Ondjiva (Cunene), vítimas de uma explosão, de um possível engenho, no interior da residência em que encontravam.

O incidente ocorreu no bairro “Pioneiro Zeca II”, sendo que um dos infelizes faleceu no local e outro no hospital, onde chegou sem os membros inferiores, tal como confirmou a enfermeira em serviço, Bernardina Tchicote.

De acordo com Agostinho Jamba, que a distância ouviu a explosão, as vitimas exerciam actividade de moto táxi e encontravam-se na residência arrendada por um amigo.

Em declarações à Angop, o comandante provincial dos Bombeiros no Cunene, subcomissário Paulo Kalunga, descartou a explosão da botija de gás, como inicialmente se aventava, pelo estado intacto em que se encontra.

 Por isso, explicou, presume-se que seja um engenho explosivo, mas contudo diligências decorrem para se apurar as causas da explosão que danificou electrodomésticos, entre outros bens, que se encontravam na residência.

 

 

 

 

 

O incidente ocorreu no bairro “Pioneiro Zeca II”, sendo que um dos infelizes faleceu no local e outro no hospital, onde chegou sem os membros inferiores, tal como confirmou a enfermeira em serviço, Bernardina Tchicote.

De acordo com Agostinho Jamba, que a distância ouviu a explosão, as vitimas exerciam actividade de moto táxi e encontravam-se na residência arrendada por um amigo.

Em declarações à Angop, o comandante provincial dos Bombeiros no Cunene, subcomissário Paulo Kalunga, descartou a explosão da botija de gás, como inicialmente se aventava, pelo estado intacto em que se encontra.

 Por isso, explicou, presume-se que seja um engenho explosivo, mas contudo diligências decorrem para se apurar as causas da explosão que danificou electrodomésticos, entre outros bens, que se encontravam na residência.