Gesterra doa 60 toneladas de milho para população do sul do país

  • Camiões com alimentos para apoiar assolados pela seca no sul do país
Malanje- Sessenta toneladas de milho foram enviadas, nesta segunda-feira, à Huíla, numa iniciativa do Grupo Técnico Empresarial (GTE), para acudir a população das províncias do sul do país, no âmbito da Campanha SOS Sul de Angola.

O milho foi doado pela Fazenda Gesterra, no município de Cacuso, província de Malanje e foi transportado até a Huíla, pela empresa Omatapalo e a partir de lá será distribuído as pessoas beneficiárias das três províncias.

 

A informação consta de uma nota de imprensa chegada à ANGOP, segundo a qual a iniciativa visa minimizar as dificuldades alimentares e outras da população e do gado, fruto da seca nestas regiões.

A campanha está a ser promovida pelo Grupo Técnico Empresarial desde Março deste ano e até ao momento já angariou mais de 800 toneladas de bens alimentares diversos e detergentes.

A mesma é coordenada pela Cooperativa de Criadores de Gado do Sul de Angola (CCGSA), que tem a responsabilidade de proceder a entrega à população dos municípios de Curoca e Cahama (Cunene), Virei (Namibe) e Gambos (Huila).

O GTE é uma plataforma de diálogo empresarial entre o Executivo e empresários angolanas no que se refere a definição de políticas para o desenvolvimento do sector empresarial nacional e é constituído actualmente por 20 Associações Empresariais de Angola.

No âmbito da campanha, o Grupo Técnico Empresarial fez chegar, no passado dia 19 de Abril, 40 toneladas de milho doados pela empresa de telefonia Unitel, através da Fazenda Unicanda, situada no município de Calandula, província de Malanje.

O milho foi doado pela Fazenda Gesterra, no município de Cacuso, província de Malanje e foi transportado até a Huíla, pela empresa Omatapalo e a partir de lá será distribuído as pessoas beneficiárias das três províncias.

 

A informação consta de uma nota de imprensa chegada à ANGOP, segundo a qual a iniciativa visa minimizar as dificuldades alimentares e outras da população e do gado, fruto da seca nestas regiões.

A campanha está a ser promovida pelo Grupo Técnico Empresarial desde Março deste ano e até ao momento já angariou mais de 800 toneladas de bens alimentares diversos e detergentes.

A mesma é coordenada pela Cooperativa de Criadores de Gado do Sul de Angola (CCGSA), que tem a responsabilidade de proceder a entrega à população dos municípios de Curoca e Cahama (Cunene), Virei (Namibe) e Gambos (Huila).

O GTE é uma plataforma de diálogo empresarial entre o Executivo e empresários angolanas no que se refere a definição de políticas para o desenvolvimento do sector empresarial nacional e é constituído actualmente por 20 Associações Empresariais de Angola.

No âmbito da campanha, o Grupo Técnico Empresarial fez chegar, no passado dia 19 de Abril, 40 toneladas de milho doados pela empresa de telefonia Unitel, através da Fazenda Unicanda, situada no município de Calandula, província de Malanje.