MASFAMU apela reforço de acções de solidariedade

  • Idosos do lar da 3ª idade
Luanda - O Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher (MASAFMU) apelou, nesta quarta-feira, as entidades públicas, privadas e benfeitoras a reforçar as acções de solidariedade junto dos grupos vulneráveis, particularmente nesta fase marcada pela pandemia da Covid-19.

Num instrutivo sobre a realização de actividades solidárias no quadro do Natal, o MASFAMU aconselha a entrega dos apoios directamente às direcções das instituições escolhidas ou aos grupos alvos, evitando-se  festas, bailes e convívios públicos presenciais.

O MASFAMU orienta as instituições de acolhimento de idosos, crianças e pessoas vulneráveis a realizarem as actividades de comemoração de natal solidário internamente, tendo, sempre, em atenção as medidas de biossegurança e as limitações imposta pelas autoridades sanitárias.  

No caso particular de apoio a favor de crianças, com brinquedos e outras benesses, bem como livros, o MASFAMU avança que devem ser de carácter educativo adequado às suas idades.

 

 

 

 

Num instrutivo sobre a realização de actividades solidárias no quadro do Natal, o MASFAMU aconselha a entrega dos apoios directamente às direcções das instituições escolhidas ou aos grupos alvos, evitando-se  festas, bailes e convívios públicos presenciais.

O MASFAMU orienta as instituições de acolhimento de idosos, crianças e pessoas vulneráveis a realizarem as actividades de comemoração de natal solidário internamente, tendo, sempre, em atenção as medidas de biossegurança e as limitações imposta pelas autoridades sanitárias.  

No caso particular de apoio a favor de crianças, com brinquedos e outras benesses, bem como livros, o MASFAMU avança que devem ser de carácter educativo adequado às suas idades.