Ministério do Interior lamenta morte de Soba Malanje

  • Secretário para Informação e Propaganda do MPLA na província do Cuanza Norte, Luciano Barroso Martins "Soba Malanje"
Luanda – O Ministro do Interior, através do titular da pasta, Eugénio Cesar Laborinho, manifestou, hoje, “profunda dor e consternação” pela morte de Luciano Barroso Martins “Soba Malanje”, ocorrido no dia 24 de Abril, vítima de acidente de viação em Luanda.

Em nota, o governante diz que Luciano Martins, que até à sua morte ocupava pastas no Comité Provincial do MPLA no Cuanza Norte, foi um membro activo e dedicado do MPLA, onde desempenhou várias funções e acividades em prol da cidadania e do desenvolvimento social.

“Foi com profunda dor e consternação que a Direcção do Ministério do Interior tomou conhecimentodo passamento físico do senhor Luciano Barroso Martins “Soba Malanje”, ocorrido no dia 24 de Abril, vítima de acidente de viação em Luanda”, expressa.

Em todos os momentos, cita Eugénio Laborinho, em nome dos funcionário do Ministério do Interior (no geral) Barroso demonstrou ser um camarada e amigo dos seus, o que certamente deixará uma mácula incontornável aos seus familiares colegas e amigos.

“Nesta conformidade, em nome dos membros de Direcção do Ministério do Interior, Oficiais Comissários, Superiores, Subalternos, Agentes e Trabalhadores Civis, endereço as sentidas condolências aos familiares e colegas do malogrado. Que a sua alma descanse em paz!”, finaliza.

MPLA junta-se à dor

Num outro comunicado, o Departamento de Informação e Propaganda do Comité Central do MPLA tomou diz ser igualmente “com profundo pesar” que tomou conhecimento da morte deste concidadão, o qual considera ter sido militante profundo.

“(…..) Exemplarmente comprometido com o MPLA, Soba Malanje destacou-se pela acutilante presença nas redes sociais, em que marcou a sua militância e activismo com actos de defesa, divulgação de programas e realizações do Partido, dignos de um militante de primeira linha”, refere.

Segundo o DIP, Luciano Martins, que até a sua morte desempenhou as funções de Secretário do DIP do Comité Provincial do Partido no Cuanza Norte, foi um incansável militante, respeitável líder e influenciador digital com muitos seguidores nas redes sociais,

Acrescenta que o mesmo deixa um legado que deve servir de exemplo de militância nesta era em que a acção política tem as tecnologias de informação e comunicação como um novo paradigma de actuação e mobilização político-partidária.

“Pelo infausto acontecimento, o Departamento de Informação e Propaganda do Comité Central do MPLA, em nome dos militantes, simpatizantes e amigos do Partido, inclina-se perante à memória do malogrado e endereça à família enlutada, sentidas condolências”, lê-se na nota.

Em nota, o governante diz que Luciano Martins, que até à sua morte ocupava pastas no Comité Provincial do MPLA no Cuanza Norte, foi um membro activo e dedicado do MPLA, onde desempenhou várias funções e acividades em prol da cidadania e do desenvolvimento social.

“Foi com profunda dor e consternação que a Direcção do Ministério do Interior tomou conhecimentodo passamento físico do senhor Luciano Barroso Martins “Soba Malanje”, ocorrido no dia 24 de Abril, vítima de acidente de viação em Luanda”, expressa.

Em todos os momentos, cita Eugénio Laborinho, em nome dos funcionário do Ministério do Interior (no geral) Barroso demonstrou ser um camarada e amigo dos seus, o que certamente deixará uma mácula incontornável aos seus familiares colegas e amigos.

“Nesta conformidade, em nome dos membros de Direcção do Ministério do Interior, Oficiais Comissários, Superiores, Subalternos, Agentes e Trabalhadores Civis, endereço as sentidas condolências aos familiares e colegas do malogrado. Que a sua alma descanse em paz!”, finaliza.

MPLA junta-se à dor

Num outro comunicado, o Departamento de Informação e Propaganda do Comité Central do MPLA tomou diz ser igualmente “com profundo pesar” que tomou conhecimento da morte deste concidadão, o qual considera ter sido militante profundo.

“(…..) Exemplarmente comprometido com o MPLA, Soba Malanje destacou-se pela acutilante presença nas redes sociais, em que marcou a sua militância e activismo com actos de defesa, divulgação de programas e realizações do Partido, dignos de um militante de primeira linha”, refere.

Segundo o DIP, Luciano Martins, que até a sua morte desempenhou as funções de Secretário do DIP do Comité Provincial do Partido no Cuanza Norte, foi um incansável militante, respeitável líder e influenciador digital com muitos seguidores nas redes sociais,

Acrescenta que o mesmo deixa um legado que deve servir de exemplo de militância nesta era em que a acção política tem as tecnologias de informação e comunicação como um novo paradigma de actuação e mobilização político-partidária.

“Pelo infausto acontecimento, o Departamento de Informação e Propaganda do Comité Central do MPLA, em nome dos militantes, simpatizantes e amigos do Partido, inclina-se perante à memória do malogrado e endereça à família enlutada, sentidas condolências”, lê-se na nota.