OMA entrega bens a crianças na Comarca do Congo

  • OMA no Uíge oferece bens diversos à crianças e mulheres reclusas
Uíge – A Organização da Mulher Angolana (OMA) no Uíge ofereceu, nesta quinta-feira, diversos bens a crianças cujas mães se encontram detidas e condenadas na Comarca do Congo, localizada na sede da província do Uíge.

A ajuda da organização feminina do MPLA enquadra-se nas jornadas do Dia da Criança, celebrado no dia 1 de Junho, e vai ajudar a minimizar as dificuldades enfrentadas pelos menores.

Em declarações à imprensa, no final do acto de solidariedade, a secretaria provincial da OMA no Uíge, Gertrudes Gastão, disse que a iniciativa visa contribuir para a melhoria das condições alimentares e higiénicas dos menores e das mães em conflito com a lei.

A política pediu às famílias e as autoridades locais para continuarem a acolher crianças cujas mães se encontram em conflito com a lei.

A Comarca do Congo conta com 379 detidos, sendo oito mulheres, enquanto os 694 condenados 10 são do sexo feminino.

 

 

A ajuda da organização feminina do MPLA enquadra-se nas jornadas do Dia da Criança, celebrado no dia 1 de Junho, e vai ajudar a minimizar as dificuldades enfrentadas pelos menores.

Em declarações à imprensa, no final do acto de solidariedade, a secretaria provincial da OMA no Uíge, Gertrudes Gastão, disse que a iniciativa visa contribuir para a melhoria das condições alimentares e higiénicas dos menores e das mães em conflito com a lei.

A política pediu às famílias e as autoridades locais para continuarem a acolher crianças cujas mães se encontram em conflito com a lei.

A Comarca do Congo conta com 379 detidos, sendo oito mulheres, enquanto os 694 condenados 10 são do sexo feminino.