PAPE cria 50 postos de trabalho no município do Luau

  • Moxico: Mais de 50 jovens recebem kits para o auto-emprego no âmbito do PAPE
Luau – Cinquenta novos postos de trabalho foram criados no município do Luau, província do Moxico, com a entrega de kits profissionais e micro créditos aos jovens daquela região, no âmbito do Plano de Acção para Promoção da Empregabilidade (PAPE).

Trata-se de luta de carpitaria, serralharia, electricidade, agricultura, pintura, corte e custura, entre outros.

 Ainda nesse âmbito, foram concedidos, pelo Banco Sol, micro créditos a 20 jovens, no valor de 300 mil kwanzas, cada, afim de empreenderem os seus negócios.

Ao falar na ocasião, o director-geral do Instituto Nacional do Emprego e Formação Profissional (INEFOP), Manuel Mbangui, considerou o município do Luau como sendo importante e estratégico ao nível dos programas do Executivo angolano, e pela sua densidade populacional, daí a sua escolha para o efeito.

Informou que nos programas de formação juvenil, o municipío fronteiriço do Luau inscreveu mais de dois mil jovens, dos quais mil 200 já recebem e futuramente vão beneficiar dos instrumentos de trabalho e cedência de crédito.

O vice-governador para o sector Político, Social e Económico do Moxico, Victor da Silva, reafirmou que o Executivo está a cumprir os programas e projectos que estabeleceu no âmbito do Programa Nacional de Desenvolvimento.

Desde a sua implementação em 2019, na província do Moxico, o Plano de Acção de Promoção a Empregabilidade (PAPE) criou mais de mil postos de trabalho.

Trata-se de luta de carpitaria, serralharia, electricidade, agricultura, pintura, corte e custura, entre outros.

 Ainda nesse âmbito, foram concedidos, pelo Banco Sol, micro créditos a 20 jovens, no valor de 300 mil kwanzas, cada, afim de empreenderem os seus negócios.

Ao falar na ocasião, o director-geral do Instituto Nacional do Emprego e Formação Profissional (INEFOP), Manuel Mbangui, considerou o município do Luau como sendo importante e estratégico ao nível dos programas do Executivo angolano, e pela sua densidade populacional, daí a sua escolha para o efeito.

Informou que nos programas de formação juvenil, o municipío fronteiriço do Luau inscreveu mais de dois mil jovens, dos quais mil 200 já recebem e futuramente vão beneficiar dos instrumentos de trabalho e cedência de crédito.

O vice-governador para o sector Político, Social e Económico do Moxico, Victor da Silva, reafirmou que o Executivo está a cumprir os programas e projectos que estabeleceu no âmbito do Programa Nacional de Desenvolvimento.

Desde a sua implementação em 2019, na província do Moxico, o Plano de Acção de Promoção a Empregabilidade (PAPE) criou mais de mil postos de trabalho.