Responsáveis dos antigos combatentes em seminário metodológico

  • Secretário de Estado para os Veteranos de Guerra, General Domingos Tchikanha
Uíge – Os responsáveis dos gabinetes provinciais dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria do Bengo, Cuanza Norte, Malanje, Uíge e Zaire iniciaram, esta quarta-feira, uma formação técnica e metodológica para melhorar o serviço prestado aos seus assistidos.

Com a duração de três dias, o seminário decorre sob o lema “ Reforcemos a Capacidade Institucional dos Veteranos da Pátria, para melhor dignificar o Antigo Combatente e Veteranos da Pátria".

Orientado pelo secretário de Estado dos Antigos Combatentes, Domingos Tchicanha, o encontro vai abordar a assistência social, regime de protecção especial reconhecido aos Antigos Combatentes, processo de recadastramento e Prova de Vida, reintegração económica e produtiva, entre outros.

Na abertura do seminário,  Domingos Tchicanha disse que a formação visa abordar questões que se prendem com o regime de protecção especial reconhecido aos antigos combatentes e sobre a legislação de segurança social das FAA.

Com essa formação, explicou, o Ministério da Defesa Nacional e Veteranos da Pátria pretende potenciar os quadros de conhecimentos que lhes permitam desempenhar com eficácia as suas responsabilidades.

Por sua vez, a vice-governadora para o sector Político, Económico e Social, Maria Cavungo, reafirmou que a iniciativa vai melhorar o apoio social destinado aos antigos combatentes e veteranos da pátria.

O seminário junta directores nacionais e dos Gabinetes dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria e da Caixa Social das Forças Armadas Angolanas (FAA) do Bengo, Cuanza Norte, Malanje, Uíge e Zaire.

Com a duração de três dias, o seminário decorre sob o lema “ Reforcemos a Capacidade Institucional dos Veteranos da Pátria, para melhor dignificar o Antigo Combatente e Veteranos da Pátria".

Orientado pelo secretário de Estado dos Antigos Combatentes, Domingos Tchicanha, o encontro vai abordar a assistência social, regime de protecção especial reconhecido aos Antigos Combatentes, processo de recadastramento e Prova de Vida, reintegração económica e produtiva, entre outros.

Na abertura do seminário,  Domingos Tchicanha disse que a formação visa abordar questões que se prendem com o regime de protecção especial reconhecido aos antigos combatentes e sobre a legislação de segurança social das FAA.

Com essa formação, explicou, o Ministério da Defesa Nacional e Veteranos da Pátria pretende potenciar os quadros de conhecimentos que lhes permitam desempenhar com eficácia as suas responsabilidades.

Por sua vez, a vice-governadora para o sector Político, Económico e Social, Maria Cavungo, reafirmou que a iniciativa vai melhorar o apoio social destinado aos antigos combatentes e veteranos da pátria.

O seminário junta directores nacionais e dos Gabinetes dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria e da Caixa Social das Forças Armadas Angolanas (FAA) do Bengo, Cuanza Norte, Malanje, Uíge e Zaire.