Secretario de Estado da Energia radiografa sector no Bié

Cuito - O secretário de Estado da Energia, António Belsa da Costa, trabalha hoje na província do Bié, para constatar o andamento dos diversos projectos ligados ao sector, nomeadamente nos municípios do Cuito, Chitembo, Andulo e Nharêa.

António Belsa da Costa manteve já encontro com o governador provincial, Pereira Alfredo, visitou diversas infra-estruturas sociais no Chitembo, as obras do hospital municipal do Cuito, na comuna do Cunje.

A agenda do responsável, para hoje, reserva ainda visita às obras da barragem de Camacupa, assim como às infra-estruturas do sector nas circunscrições do Andulo e Nharêa, a 130 e 175 quilómetros a Norte da capital biena, respectivamente. 

Falando à imprensa, após a audiência com o governador Pereira Alfredo, o secretário de Estado reconheceu que o sector debate-se com a falta de recursos financeiros para a concretização de projectos em diversas regiões do país.

Apelou aos clientes da Empresa Nacional de Electricidade (ENDE), no sentido de pagarem os seus consumo, de modo a se obter recursos que serão empregues a favor da população.

No entanto, lamenta os actos de vandalismo que o sector tem sofrido por parte de pessoas de má fé, apelando à denúncia para a responsabilizção dos infractores.

Referiu ainda que o ministério de tutela e o Governo local continuam a trabalhar para o reforço da rede de baixa tensão, visando facilitar a distribuição da corrente eléctrica à cidade do Cuito e arredores.

O governador do Bié, Pereira Alfredo, realça à necessidade de se ampliar os investimentos, mormente à colocação de mais sistemas de energia, recuperação de grupos geradores e outros, visando melhorar os serviços prestados à população.

Considerou os municípios do Andulo, Nharêa (Norte), Chitembo (Sul), Catabola, Camacupa e Cuemba (Leste) os mais críticos quanto ao abastecimento de corrente eléctrica.  

A ENDE no Bié controla mais de 23 mil clientes.

António Belsa da Costa manteve já encontro com o governador provincial, Pereira Alfredo, visitou diversas infra-estruturas sociais no Chitembo, as obras do hospital municipal do Cuito, na comuna do Cunje.

A agenda do responsável, para hoje, reserva ainda visita às obras da barragem de Camacupa, assim como às infra-estruturas do sector nas circunscrições do Andulo e Nharêa, a 130 e 175 quilómetros a Norte da capital biena, respectivamente. 

Falando à imprensa, após a audiência com o governador Pereira Alfredo, o secretário de Estado reconheceu que o sector debate-se com a falta de recursos financeiros para a concretização de projectos em diversas regiões do país.

Apelou aos clientes da Empresa Nacional de Electricidade (ENDE), no sentido de pagarem os seus consumo, de modo a se obter recursos que serão empregues a favor da população.

No entanto, lamenta os actos de vandalismo que o sector tem sofrido por parte de pessoas de má fé, apelando à denúncia para a responsabilizção dos infractores.

Referiu ainda que o ministério de tutela e o Governo local continuam a trabalhar para o reforço da rede de baixa tensão, visando facilitar a distribuição da corrente eléctrica à cidade do Cuito e arredores.

O governador do Bié, Pereira Alfredo, realça à necessidade de se ampliar os investimentos, mormente à colocação de mais sistemas de energia, recuperação de grupos geradores e outros, visando melhorar os serviços prestados à população.

Considerou os municípios do Andulo, Nharêa (Norte), Chitembo (Sul), Catabola, Camacupa e Cuemba (Leste) os mais críticos quanto ao abastecimento de corrente eléctrica.  

A ENDE no Bié controla mais de 23 mil clientes.