Shopping Kikolo cria mais de 600 postos de trabalho

Luanda - Pelo menos 600 jovens do município do Cazenga, em Luanda, terão o primeiro emprego no Shopping Kikolo quando forem concluidas as obras do empreendimento, previstas para o fim do próximo mês de Junho, uma iniciativa privada de um grupo de empresários chineses.

O empreendimento que deverá ter 100 lojas para a  comercialização de produtos diversos vai permitir  que os munícipes do Cazenga deixem de procurar os bens essenciais em outras  localidades da província  de Luanda.

As obras do Shopping, que ocupa uma área de mais de 20 mil metros quadrados, tiveram início em Janeiro de 2021, encontram-se na segunda fase de execução na ordem dos 80 por cento e conta com uma força de trabalho de 100 jovens nacionais,  12 dos quais residentes no Cazenga.

O administrador municipal do Cazenga, Tomás Bica Mumbundo, visitou hoje, sábado, o local para constatar o andamento das obras, deixar  orientações para o cumprimento dos prazos previstos e sugerir o perfil  dos futuros trabalhadores, cujo recrutamento será feito pela  administração do  distrito urbano 11 de Novembro em parceria  com uma empresa chinesa.

Tomás Bica apelou que a maior  parte dos trabalhadores do Shopping Kikolo sejam nacionais e do Cazenga para que estes possam levar  sustento às famílias e combater à fome e à pobreza, afirmando que a administração está aberta para apoiar o  empresariado local  que pretenda investir na circunscrição nas mais diversas áreas, já que são os empresários que garantem  a empregabilidade dos jovens.

O empreendimento que deverá ter 100 lojas para a  comercialização de produtos diversos vai permitir  que os munícipes do Cazenga deixem de procurar os bens essenciais em outras  localidades da província  de Luanda.

As obras do Shopping, que ocupa uma área de mais de 20 mil metros quadrados, tiveram início em Janeiro de 2021, encontram-se na segunda fase de execução na ordem dos 80 por cento e conta com uma força de trabalho de 100 jovens nacionais,  12 dos quais residentes no Cazenga.

O administrador municipal do Cazenga, Tomás Bica Mumbundo, visitou hoje, sábado, o local para constatar o andamento das obras, deixar  orientações para o cumprimento dos prazos previstos e sugerir o perfil  dos futuros trabalhadores, cujo recrutamento será feito pela  administração do  distrito urbano 11 de Novembro em parceria  com uma empresa chinesa.

Tomás Bica apelou que a maior  parte dos trabalhadores do Shopping Kikolo sejam nacionais e do Cazenga para que estes possam levar  sustento às famílias e combater à fome e à pobreza, afirmando que a administração está aberta para apoiar o  empresariado local  que pretenda investir na circunscrição nas mais diversas áreas, já que são os empresários que garantem  a empregabilidade dos jovens.