Desmantelados no Soyo grupos de marginais altamente perigosos

Soyo – Dois grupos de marginais foram desmantelados terça-feira, no município do Soyo, província do Zaire, pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), no âmbito de uma micro-operação denominada “Soyo tranquilo”.

Trata-se dos grupos “Cia mau” e “Trezentos”, compostos por cinco elementos cada, informou esta quarta-feira, no Soyo, o porta-voz da Delegação Municipal do Interior, Sérgio Afonso.

De acordo com o responsável, os referidos grupos criavam pânico nos bairros periféricos e o seu desmantelamento contou com o envolvimento das forças de defesa e segurança.

“São grupos de marginais, cujos integrantes são considerados altamente perigosos. Há muito eram procurados pela Polícia Nacional”, referiu.

Segundo o porta-voz, os acusados são indiciados  nos crimes de assaltos a residências e na via pública com recurso a arma branca.

A operação “Soyo tranquilo”, disse, permitiu também a detenção de três cidadãos nacionais sob mandado de captura da Procuradoria-Geral da República (PGR), por crime de roubo.

A fonte avançou que a operação vai continuar nos próximos dias para devolver o sentimento de segurança aos moradores dos bairros periféricos da vila.

A cidade do Soyo tem uma população estimada em 208 mil e 497 habitantes.

 

Trata-se dos grupos “Cia mau” e “Trezentos”, compostos por cinco elementos cada, informou esta quarta-feira, no Soyo, o porta-voz da Delegação Municipal do Interior, Sérgio Afonso.

De acordo com o responsável, os referidos grupos criavam pânico nos bairros periféricos e o seu desmantelamento contou com o envolvimento das forças de defesa e segurança.

“São grupos de marginais, cujos integrantes são considerados altamente perigosos. Há muito eram procurados pela Polícia Nacional”, referiu.

Segundo o porta-voz, os acusados são indiciados  nos crimes de assaltos a residências e na via pública com recurso a arma branca.

A operação “Soyo tranquilo”, disse, permitiu também a detenção de três cidadãos nacionais sob mandado de captura da Procuradoria-Geral da República (PGR), por crime de roubo.

A fonte avançou que a operação vai continuar nos próximos dias para devolver o sentimento de segurança aos moradores dos bairros periféricos da vila.

A cidade do Soyo tem uma população estimada em 208 mil e 497 habitantes.