Mbanza Kongo contará com posto de informação turístico

  • Primeiro Posto de Informação Turística de Angola, localizado na zona turística do Miradouro da Lua, em Luanda
Luanda- O director do  Instituto de Fomento Turístico de Angola (Infotur), Afonso Vita, anunciou, esta sexta-feira, em Luanda, a edificação de um posto de informação turístico na cidade de Mbanza Kongo, província do Zaire.

Em declarações à ANGOP após uma visita a foz do Rio Kwanza, Afonso Vita referiu que a cidade património da humanidade vai contar com um local idêntico ao de Luanda (Miradouro da Lua) para facilitar os visitantes na obtenção de informação sobre as valências e locais turísticos a nível do país.

A infra-estrutura, já em construção defronte ao monumento histórico Kulumbimbi, albergará espaço para exposição de artes, souvenirs e quiosques.

Em relação a visita na foz do rio Kwanza, o responsável referiu que se enquadra nas festividades do Dia Mundial do Turismo, assinalado a 27 de Setembro do ano em curso.

Afonso Vita avançou estar já em carteira a colocação de transporte público na rota Luanda - Cabo Ledo, no sentido de possibilitar que o cidadão comum possa usufruir das belezas naturais da província.

"Estamos já em contacto com o Ministério dos Transportes no sentido de possibilitar com que os autocarros possam chegar até Cabo-Ledo, pois nem todos têm carro próprio", referiu.

No quadro no relançamento do sector turístico, a cidade de Luanda ganhou um Posto de Informação Turístico, com guia turístico, observatório, quiosques com peças de artesanato, postais do país e outros livros sobre a realidade do sector nacional.

Em declarações à ANGOP após uma visita a foz do Rio Kwanza, Afonso Vita referiu que a cidade património da humanidade vai contar com um local idêntico ao de Luanda (Miradouro da Lua) para facilitar os visitantes na obtenção de informação sobre as valências e locais turísticos a nível do país.

A infra-estrutura, já em construção defronte ao monumento histórico Kulumbimbi, albergará espaço para exposição de artes, souvenirs e quiosques.

Em relação a visita na foz do rio Kwanza, o responsável referiu que se enquadra nas festividades do Dia Mundial do Turismo, assinalado a 27 de Setembro do ano em curso.

Afonso Vita avançou estar já em carteira a colocação de transporte público na rota Luanda - Cabo Ledo, no sentido de possibilitar que o cidadão comum possa usufruir das belezas naturais da província.

"Estamos já em contacto com o Ministério dos Transportes no sentido de possibilitar com que os autocarros possam chegar até Cabo-Ledo, pois nem todos têm carro próprio", referiu.

No quadro no relançamento do sector turístico, a cidade de Luanda ganhou um Posto de Informação Turístico, com guia turístico, observatório, quiosques com peças de artesanato, postais do país e outros livros sobre a realidade do sector nacional.